Leio ficção ativamente desde 2010, e toda pessoa que lê muito acaba chegando na mesma conclusão: precisa comprar muito. Chega uma hora que seus livros simplesmente acabam. E, se você não quiser entrar na ilegalidade, vai depender do seu bolso para conseguir novas histórias.



Ah, mas tem biblioteca, tem meu amigo que empresta, eu gosto de ler ebook e pago só vinte centavos por mês


Legal, mas então esse post não é para você. Também tenho acesso a isso tudo e amo ler ebooks, mas ainda não é incomum encontrar pessoas que gostam de ler exclusivamente livros físicos. São estes que ultimamente andam custando um rim. Se você sente a necessidade de comprar mais de dois ou três livros por mês, já sabe que metade do seu salário vai ficar nisso (um exagero, mas parece que estamos chegando lá).


Então como faço para diminuir a dor da facada comprando livros físicos?


Já te adianto que NADA nesse mundo vai te vender livros novos de 300 páginas a 2 reais, não existe mágica para comprar livros, mas economizar um pouquinho aqui e ali você consegue, sim. Vamos às dicas! 


1) Paciência 



Prejudica muito o orçamento quando você só quer ler os lançamentos que saíram ontem. Nada contra, na verdade, mas você precisa comprar agora? Existe um mundo de livros em promoção, mas os lançamentos raramente entram nelas. Um livro que hoje custa 50 reais daqui a 6 meses pode estar custando 30 numa promoção relâmpago. Você pode ganhar num sorteio. Alguém pode te presentear. Saber esperar por um livro me ajuda muito a não sair dando meu suado dinheiro em livros que talvez eu pague caro e fiquem aqui em casa pegando poeira, já que tenho outros para ler também. Espere pelo livro, ele não vai desaparecer.


2) Troca de livros


Troco meus livros desde 2014 e até hoje já foram mais de 100 trocas. Já pensou nisso? Tem muito livro que eu leio e não gosto ou então livros que não vejo necessidade de ter em casa, livros que sei que não irei reler. Eu fico com todos os meus favoritos, mas troco todo o resto. Existem diversos sites e grupos na internet destinados a esse tipo de troca e eu recomendo demais. Você manda um livro que não quer mais e, tcharam, ganha um livro novo! É quase mágica.


O envio é feito pelos Correios, então algum dinheiro você precisa desembolsar. Existe a categoria Registro Módico, que é exclusiva para livros e sai muito mais barato do que SEDEX e PAC. Depende do peso do livro, mas no geral fica menos de 10 reais.


Usar desses espaços de troca acaba sendo um exercício de paciência também. Nem sempre os livros que você quer estão disponíveis. Eu faço assim: saiu um lançamento que quero ler? Marco no site como desejado e espero até que uma boa alma coloque esse livro para troca. Um dia, aparece.


3) Sites de Cashback



Mas eu entendo que às vezes a gente simplesmente quer comprar aquele livro que acabou de sair. Não dá pra esperar. Ou é uma emergência, é para estudo, é um presente. Os livros que o meu clube do livro escolhe caem muito nessa categoria, pois preciso comprar e ler antes da data do encontro. Então recorro aos sites de cashback. Para quem nunca ouviu falar, cashback é "dinheiro de volta". Comprando através desses sites/aplicativos, eles te devolvem uma pequena porcentagem. Por exemplo, se você compra um livro de 30 reais, eles te devolvem alguns centavos. Sim, não é uma grande economia, mas é dinheiro de graça, gente. Depois de um tempo, você junta esses centavos e compra um livro novo.


4) Cupons de desconto


Essa aqui é uma dica patrocinada pelo site Cupom Válido. Mas, mesmo se não fosse, eu iria recomendar porque trabalha pelo nosso bolso muito melhor que sites de cashback na maioria das vezes. O que deixa um pouco a desejar em sites de cashback é que o desconto, digamos assim, é muito baixo: 3%, 5%, raramente chegamos em 10% de dinheiro de volta. Os cupons são mais generosos. Por exemplo, acessando o site do Cupom Válido agora e procurando por cupons da Amazon, que é a loja onde geralmente compro meus livros, esses são os primeiros que aparecem:


Lista de cupons da Amazon dando 50%, 75%, 80% de desconto em livros


Sentiu a diferença? Aproveitar essas promoções específicas vale muito mais a pena do que ganhar centavos com o cashback. Claro, você precisa querer os livros que estão com preços promocionais e tem lançamentos que realmente nunca entram em promoção, mas, no caso de procurar um presente para alguém, por exemplo, você pode facilmente se guiar pela lista de cupons.


As promoções já estão nas lojas, mas nem sempre você fica sabendo. Nos sites, há muitas informações, muitas ofertas ao mesmo tempo. O Cupom Válido, nesse caso, funciona como um agregador de promoções, você consegue ver tudo numa página só. Tô falando aqui de livros, mas o Cupom Válido trabalha com lojas que vendem diversos produtos. Recomendo sempre dar uma olhada antes de comprar qualquer coisa na internet, pode ter um cupom perfeito que se encaixa com seu desejo de consumo.


5) Serviços de Frete Grátis


Algumas lojas virtuais oferecem serviços de frete grátis que talvez valham a pena você dar uma olhada. Eu que moro no Rio de Janeiro já fico desgostoso quando o frete vai se aproximando dos dez reais. Pessoal que mora no Norte/Nordeste sofre ainda mais com isso, alguns fretes ficam com valores exorbitantes, mais caros que os próprios livros comprados. Então, um frete grátis vem muito a calhar. Às vezes, o valor que se paga mensalmente por esses serviços compensa se você compra muitos livros por mês. Alguns também te dão outros benefícios, mas aí cada loja faz do seu jeito.


Acho que é isso! É assim que atualmente eu tenho 20 livros em casa para ler e não gasto mais que 30 reais em livro todo mês. Vocês têm mais algumas dicas que funcionam para vocês? Me contem! Tô sempre atrás de um desconto.




Sabe onde mais estou falando sobre livros? No Instagram do clube! Estou me dedicando a ele um pouco mais agora, criando conteúdo e interagindo mais por lá.