Cada vez que eu digo em voz alta que sou um escritor independente, imagino meia multidão de pessoas sem rosto rindo e apontando pra mim. Esse cara não se enxerga? Como que é escritor se não tem um livro publicado que a gente pode tocar nele? Também não sei, gente, fica  aí o mistério pra vocês. Enquanto vocês ficam aí tentando decifrar, eu continuo escrevendo e publicando coisas na internet. Eu escrevo histórias, pessoas param para ler e eventualmente gostam. Acho que configura escritor, sim.



Daí que eu resolvi dedicar esse último final de semana a hibernar e ser um escritor independente em tempo integral e, eita, rendeu. Vocês estão acompanhando? Porque eu não paro.

***

Não Sei Lidar com Malas finalmente foi postado por completo no Wattpad e me rendeu novos leitores para minhas outras histórias. Dei uma revisada, montei o ebook e, tcharam, está lá na Amazon por R$ 2,48 (Eu sei que é um preço estranho, mas eu ganho o mesmo valor com ele custando R$ 2,49, então já economizei a vocês 1 centavo. Não precisam agradecer).

Me disseram que certos personagens (não disse quais) merecem uma história própria e, humn, quem sabe? Apesar de eu já ter ideias para a próxima história da série, nunca se sabe quem vai retornar (Nem eu sei, sinceramente).

***

NS1 não para de me encher de orgulho no Wattpad. MEU BEBÊ. EU QUE ESCREVI. Ai, mas livro é um produto, não é seu filho, é um trabalho. MEU BEBÊ SIM, NINGUÉM SAI. E pensar que eu quase não publiquei a história por achar que era ultrapassada e, sei lá, estranha. Foi a primeira história completa que escrevi e todo mundo sabe que primeiras histórias geralmente são aquele saco de cocô mesmo, MAS: Quase 8 mil leituras e mais de mil estrelinhas nos capítulos, além da ENXURRADA de comentários, que é a coisa que mais me faz feliz. Eu passo horas lendo sempre que posso. Muito obrigado mesmo a todo mundo que está apoiando o livro!

Chegando tão longe no ranking! :'-)


Aproveitei que Malas virou ebook e diminuí o preço de NS1 na Amazon, foi de R$ 8 para R$ 4,99.

***

Acho que vou desistir da Kobo Store e da Saraiva. Eu vendi 0 livros para Kobo e acho que 1 para LEV, não compensa o desgraçamento que é usar os sistemas de autopublicação deles, além de ter que atualizar em 200 lugares toda vez que fizer alguma alteração nas histórias. Vida de escritor independente não é só escrever, infelizmente, então estou optando pela praticidade para ganhar mais tempo para escrever.

***

Ah! Criei minha página de autor no Skoob! Quem usa o site agora pode marcar meus livros por lá :)



***

Enquanto tudo isso acontece, estou experimentando escrever meu livro novo. Sei que vai ser sobre tudo o que eu já venho falando nesse último ano de blog e quero tratar alguns assuntos que são muito íntimos para mim. Espero que alguém se conecte. No momento, estou discutindo comigo mesmo se arrisco escrever com aqueles capítulos curtinhos de no máximo 2 páginas ou se continuo nos meus calhamaços de 10 páginas. Mas está indo! Minha meta é terminar em dezembro, mas não vamos focar muito nisso.

Obrigado pelo apoio! Continuem torcendo por mim :)