Vocês vão ficar achando que eu passo meus fins de semana inteiros assistindo reality show e estarão certíssimos, mas, no mesmo dia que eu assisti o documentário da Kátia Perez, caí numa maratona por osmose de 4 horas de LA Clippers: Dance Squad.

Mas, nossa, Felipe, nunca ouvi falar desse reality show.

Nem eu tinha, risos. Mas eu liguei a TV e tava passando e, gente, acontece. Essas maratonas do E! acabam comigo. Teve um dia que eu me entupi de Keeping up with the Kardashians e foi o tempo mais maravilhosamente desperdiçado da minha vida.

Enfim. Daí que esse LA Clippers é sobre um grupo de dançarinas da NBA. Uma coisa naipe cheerleader, sabe? Aquelas meninas que entram na quadra e fazem uma coreografia legalzona nos intervalos dos jogos de basquete.

Uma delas já estava há 3 anos no grupo, mas vinha meio decadente nos ensaios e só ouvia "Você esta atrasada, Natalie", "Você está muito atrás nos movimentos", "Será que você não percebe o quanto está atrasada na coreografia, Natalie?", "Você não está se esforçando". Confesso que achei a menina meio pamonha mesmo, botando a culpa na treinadora, chorando pelos cantos...

Mas aí ela QUER SABER, VOU SER JORNALISTA e foi fazer um teste pra TV. A mulher do teste perguntou se ela já tinha alguma experiência em frente às câmeras (bizarro perguntar isso num reality show, mas beleza) e aí que tudo mudou:

- Eu já participei de Survivor.

E eu fiquei:



PAMONHA DESSE JEITO? FOI A PRIMEIRA ELIMINADA, NÉ? Gritei mesmo no sofá. Mas, gente, amei o crossover. Survivor já tem 32 temporadas e acho que 50% das pessoas dos EUA já fez parte, risos. Acho que todo mundo que mora lá já apareceu num reality show.

Eu não vi a temporada da Natalie, então claro que fui pesquisar o micão que deve ter sido. Gente. Vocês acreditam que essa menina FOI PRA FINAL NA TEMPORADA DELA? Não ganhou nenhum voto, porque Survivor não é bagunça, MAS MESMO ASSIM. Ela sobreviveu 39 dias sei lá em qual lugar inóspito do planeta ao lado de 2 dos maiores vilões do reality, olha o desgraçamento mental. ELA É UMA VENCEDORA.

Até mordi a língua. A Natalie tinha que aparecer aqui em casa e encher minha cara de tapa. A gente nunca sabe mesmo o que a Demi passou uma pessoa já passou na vida, né?