Foi num fim de semana em que o universo quis me obrigar a assistir Part of Me (passou no sábado e no domingo), aquele documentário sobre a turnê da Katy Perry. Acho que eu não conheço nem meia dúzia de músicas da dona Kátia, mas documentário é um reality show mais interessante, então, do nada, eu estava muito interessado na carreira dela e torcendo por aquela turnê.

No começo da carreira, quando ela finalmente consegue uma gravadora, eles ficam "Você podia tentar ser mais como a Avril Lavigne", "a nova Britney Spears", "a nova Alanis", a nova etc. Daí a Katy "Eu não quero ser a nova ninguém, eu quero ser a primeira Katy".

Deu muito certo pra ela.