Minha mãe ganhou um rack e precisou tirar TV, dvd e todos os enfeites milenares do rack antigo para por no novo, e, assim, durarem mais mil anos. Ficou tudo muito bom, muito bonito, porém: a TV a cabo ficou sem sinal. Minha mãe e minha irmã, meio desesperadas porque interferiram na harmonia do Universo, me chamaram para ver, porque, risos, "entendo de computadores".

A gente ganha um diploma em Ciência da Computação, e galera acha que a gente sabe programar TV, consertar impressora, máquina de lavar, exorcizar notebooks e fazer café sem ler o manual, mas beleza.

Ligávamos a TV e ficávamos olhando para a triste mensagem: "Sinal não encontrado". Eu mal vejo TV, mas família estava se comportando como se um ente querido tivesse passado dessa para melhor. "Ela era tão boa!", "Não posso ficar em casa hoje porque me lembro dela", "Lembra quando a gente sentava junto no sofá e...". Tentei mexer nos cabos e tal, mas sem sucesso. Liguei para o suporte técnico uns dias depois.



- Para falar sobre promoções, tecle 1. Para falar sobre problemas no aparelho, tecle 2...

*vai com o dedo no 2*

... Para falar sobre problemas técnicos, tecle 3...

*ué* *vai com o dedo no 3*

... Problemas com o controle remoto, tecle 4...

Sem sinal é problema no aparelho, no controle ou apenas técnico?

... Para ouvir uma piada sem graça, tecle 9. Para apenas ouvir a voz de uma pessoa para te dar força nos momentos de carência, tecle 10. Para ouvir uma prévia do novo single da Taylor Swift, tecle 11. Para falar com um de nossos atendentes, tecle 12. Para...

MUITAS OPÇÕES. Mas, depois de divagar sobre a lista, escolhi falar com uma atendente. Me pareceu mais coerente, até porque já cansei de Blank Space.

- Bom dia, senhor, essa ligação está sendo gravada, o número do protocolo é: 93767356752523983434...
- Mas, gente.
- 57471238456182345058347589273503784543273095648768...
- Mas como...?
- 3492386482356984510293489237409237487XZYT-$#@***##. Caso seja necessário, enviaremos para seu e-mail.
- Imagina, anotei tudo Ah, tá bom.

Esse e-mail nunca chegou. O dia em que o mundo precisar de um número de protocolo de atendimento para ser salvo, estaremos perdidos.

- Então, senhor, darei algumas instruções para tentarmos resolver o seu problema.

Eu gosto dessa parte da resolucão dos infortúnios, apesar de me sentir muito subestimado pela pessoa do outro lado.

- O aparelho está ligado?
- ...
- Senhor?
- Não, moça, eu achei que funcionava sem ligar. Não funciona? ESPERAVA MAIS DA TECNOLOGIA DESSA EMPRESA Está.
- Tire da tomada, espere 10 segundos e ligue novamente.
- Hahahahah A senhora acredita nisso? Grande suporte técnico Tá bom.

Apenas fingi que fiz, até porque já tinha feito mesmo. Desligar e religar é, tipo, a regra número um da Informática.

- Não funcionou.
- Humn... Retire o cabo branco da entrada XYZ do aparelho e reconecte.
- Moça, chega, só funciona uma vez. ME DIZ LOGO SE NÃO SABE COMO CONSERTAR Pera aí.

Estava rindo do atendimento patético, do alto da minha grande sabedoria universitária, porém fui dar uma olhada na tal entrada XYZ apenas para fingir mais um procedimento e:

O cabo branco. Não estava. Lá.

Não havia cabo.

No meio do caminho não havia um cabo.

No hay cabo.

Habemus cabo. Só que não.

Com minha cara queimando, dei uma olhada geral, porque deveria haver um cabo branco ali, não? Estava ligado na TV. O cabo do aparelho estava na TV, e a gente querendo que a coitada sozinha encontrasse o sinal. Coloquei no lugar certo e... funcionou.

- Funcionou, senhor?

Não tive coragem de me humilhar na frente da minha nova guru espiritual, apenas respondi:

- Opa, o problema foi resolvido :DDD TCHAU.

Desliguei. Zapeei pelos canais enquanto imaginava a atendente, agora com ar de superioridade, falando com a amiga: "Aposto que o cabo estava no lugar errado MUAHAHAHAH". Rasguei meu diploma.