Já faz um tempinho que eu saí da fase em que meu único objetivo na vida era tirar uma nota boa na prova da semana que vem. Aquela fase sofrida em que nem nosso próprio dinheiro a gente tinha. Nós ainda acreditávamos ter algum tipo de super poder, que éramos invencíveis, que sabíamos de tudo ou quase tudo mesmo conhecendo nada ou quase nada. É, faz um tempinho.



Mas também não é como se eu já estivesse pensando qual é a melhor escola para as minhas crianças. Eu nem tenho crianças. Meu deus, eu nem estou planejando crianças. Também nunca pensei com que tipo de móvel eu quero decorar a minha casa, não pensei em que cor de tinta quero por nas paredes. Eu nem saí da casa da minha mãe e nem pensei em sair, para vocês entenderem. Parece que eu ainda não comecei a minha própria vida, apesar de ter me formado e estar trabalhando 8h por dia.

Qual é a ação corriqueira que transforma um young adult num new adult? Seria receber correspondências com meu nome? Seria aprender a enviar coisas pelos Correios? Seria convidar amigos para um jantar caseiro? Seria ir no supermercado por vontade própria para comprar papel higiênico, pasta de dente e detergente porque o que tinha em casa acabou?

Eu me sinto com um pé em cada mundo ao mesmo tempo que não estou em mundo nenhum. Eu não me encaixo com a galera falando do último livro adolescente que virou filme, mas também não sento no bar com os amigos para fazer sei lá o que os adultos fazem nos bares. Às vezes, acho pessoas com menos de 18 anos um porre total. Meu deus, vocês não percebem que Harry Potter foi bom, mas que existem outras histórias ainda mais marcantes? Às vezes, adultos são um porre total. Acham que Harry Potter é uma coisinha idiota e blábláblá vamos trocar piadinhas sujas? Eu nem terminei de ler Harry Potter.

- Vocês assistiram a finale de Faking It??????
- Não
- ...

Sei que meu clube está espalhado e escondido por aí. Sei que vocês estão disputando para conseguir um espacinho no high school ou na happy hour. Bom, enquanto a magia da adultescência não acontece comigo, eu vou ficar aqui sentado esperando vocês.