Ainda tô em tempo de desejar coisas para o novo ano? É um desejo quase apelo desesperado porque, olha, não está bonito. Do fundo do meu coração, meu desejo pra 2014 é que vocês parem de andar armados em transportes públicos. Apenas isso. É difícil? Vocês podem fazer isso por mim? Será que eu mereço, Brasil? Pensem com carinho.

É feio, é cafonão e, de acordo com a minha vasta experiência (2 ocorrências), sempre acaba mal.



Estava eu, no ônibus, fingindo estar concentrado na minha leitura, mas estava tentando entender a conversa de mãe e filho.

- Então, dá próxima vez que você for no barbeiro, vai levar uma gilete nova! SENÃO VAI PEGAR AIDS.
- QUE ISSO, MÃE?
- É ASSIM QUE ACONTECE.

Eu meio que curto como entretenimento essas pessoas desapegadas que falam alto no ônibus, mas não escolheria pra ser amigo. Porém, o motorista estava dirigindo alucinadamente, até que foi FECHADO por um caminhão e se viu obrigado a frear o busão BRUSCAMENTE. Eu estava sentado, mas vi a galera voar lá na frente com um AAAAAWWWWWWW (mãe e filho, inclusive).

Os passageiros fizeram o que são programados pra fazer: xingar. Mas aí o motorista xingou, cobradora xingou, galera do caminhão parou pra xingar também. 3 caras descem do caminhão e vão pra cima do motorista discutir.

Acho que não ia dar polícia, mas aí um ilustre passageiro sacou um FACÃO, desceu do ônibus e foi defender o motorista. UM. FACÃO. Eu me pergunto se a mãe de vocês ensinou que sair matando todo mundo é a melhor saída. Pessoal do ônibus ficou em choque (mas nada que impedisse da galera sacar o celular pra filmar), os 3 caras recuaram e o cara brandindo o facão. De alguma forma, a polícia chegou, apreendeu o facão (ninguém morreu) e levou o dono pra delegacia.

- Pelo menos, ele vai pra casa no ar-condicionado...
- Se deu bem...

Os 3 caras que fecharam o ônibus saíram ilesos, mas isso foi pra provar que perde a razão quem está armado. Essa é a moral da história.

Mas, gente, um facão... QUEM ANDA COM UM FACÃO?